Distribuidor de cosméticos: aprenda a separar o dinheiro do negócio das finanças pessoais

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×

Quem atua como distribuidor de cosméticos e tem grandes marcas como parceiras sabe que essa é uma área repleta de boas oportunidades. Com um trabalho sério e realizado corretamente, esses profissionais conseguem obter lucros expressivos todos os meses, já que o mercado de atuação é bem amplo, indo desde farmácias até redes de supermercado.

Apesar de todo esse sucesso, o distribuidor de cosméticos deve se atentar a alguns pontos que ajudam no seu progresso. Por exemplo, separar o dinheiro do negócio das finanças pessoais é extremamente importante. Mesmo essa sendo uma recomendação feita a todos os empreendedores, manter as contas separadas não é algo tão simples.

Se você é distribuidor de cosméticos e precisa aprimorar a sua gestão financeira, confira na sequência deste artigo dicas que te ajudarão a separar os ganhos do negócio das finanças pessoais. 

Não leve suas despesas profissionais para sua casa e vice-versa

Um hábito que muitos empreendedores têm é o de misturar as suas despesas pessoais com as do negócio. A ideia de cobrir um lado e depois recompensar o outro pode gerar um grande descontrole financeiro que, no futuro, poderá impactar as duas áreas. 

Para evitar que isso aconteça, deixe para organizar e quitar as despesas pessoais em casa. Tudo o que envolver o seu negócio como distribuidor de cosméticos deve ser solucionado no seu horário de trabalho ou longe das contas pessoais. O primeiro passo para manter tudo em ordem é fazer esse distanciamento físico.

distribuidor de cosméticos

Distribuidor de cosméticos deve ter contas bancárias separadas para cada função

Além da dica de não misturar fisicamente as despesas pessoais e profissionais, é importante que o distribuidor de cosméticos tenha contas correntes diferentes para cada função. Tentar administrar as entradas e saídas da sua empresa pela conta pessoal é um grande perigo, pois as chances do dinheiro se misturar e o empreendedor perder o controle são muito maiores.

Ter duas contas correntes não dará mais trabalho para o distribuidor de cosméticos, pelo contrário, o ajudará a ter uma visão mais clara e real da sua situação financeira e do seu negócio.

Defina o valor da sua retirada mensal

Outra dica importantíssima para o distribuidor de cosméticos que precisa aprender a separar o dinheiro do negócio das finanças pessoais tem a ver com a definição do valor da retirada mensal. A ideia de que um empreendedor não tem salário e que pode utilizar os lucros do seu negócio para quitar suas despesas pessoais pode ser muito prejudicial para o progresso profissional.

Para se organizar, o distribuidor de cosméticos deve estipular o seu pró-labore, que é o valor retirado mensalmente dos lucros obtidos pelo seu negócio. Com esse salário, o empreendedor deve manter as suas despesas pessoais, deixando o restante para pagar as contas e reinvestir na sua operação.

Reunimos no artigo de hoje algumas dicas simples, porém eficazes, para o distribuidor de cosméticos separar o dinheiro do negócio das suas finanças pessoais. Se você gostou das informações e quer continuar aprendendo sobre o tema, veja também em nosso blog o post que mostra como a distribuição de cosméticos ajudará a alavancar o seu padrão de vida.

Next Post

Comentários no Facebook

Login to your account below

Fill the forms bellow to register

Retrieve your password

Please enter your username or email address to reset your password.

0 Flares Twitter 0 Facebook 0 0 Flares ×